Upper Junior School (G5-6)

Currículo | Upper Junior School (Grades 5-6)

É no Grade 5 que fazemos a transição para o modelo Internacional. Os alunos do Grade 5 ao Grade 8  seguem o Currículo Internacional de Cambridge (Key Stage 2/3), modelo usado e reconhecido em todo o mundo. Este currículo permite uma grande flexibilidade e a possibilidade de adaptação ao ensino nacional (assegurando a importância de disciplinas como o Português e a História de Portugal), ao mesmo tempo que garante um programa académico forte e rigoroso. Mantemos o modelo pedagógico do PaRK IS com as características de ensino que já nos distinguem – ensino individualizado, trabalho de projeto, enfoque na comunicação e na tecnologia – para formarmos alunos inovadores, responsáveis e felizes, com as competências do século XXI, necessárias no mundo global em que vivemos.

No entanto, o objetivo principal do nosso programa internacional é mais do que um programa curricular. Queremos desenvolver jovens curiosos, conhecedores, atenciosos e principalmente motivados para o sucesso.  Esperamos que os nossos alunos ajudem a construir um mundo melhor através da compreensão intercultural e do respeito.

Os alunos são encorajados a experimentar diferentes abordagens de aprendizagem e a assumir a responsabilidade pelo seu próprio progresso educacional. A nossa pedagogia ajuda os alunos a fazer perguntas desafiadoras, a pensar criticamente e a desenvolver capacidades de pesquisa.

Nesta etapa entre os 10 e os 12 anos – coincidente com os últimos anos da infância, que antecedem a entrada na pré-adolescência – há uma abertura e disponibilidade naturais para acolher desafios, de forma entusiasta e generosa, que interessa valorizar. Assim, os alunos dos Grades 5 e 6 podem dar sentido aos conhecimentos aprendidos e promover a sua autonomia, através de projetos comuns a diversas disciplinas que relacionam diversas áreas do saber e com uma atitude de incentivo à criatividade no estudo e nos desafios pessoais de cada aluno.  Para além da dimensão intelectual, pretende-se desenvolver também a imaginação, os sentimentos e a afetividade.

Assim, a nossa prática assenta em 4 dinâmicas pedagógicas:

Trabalho de aprendizagem por projetos educativos: tendo por base os programas das disciplinas, os alunos realizam trabalhos de projeto, de modo a que alguns conteúdos do programa sejam trabalhados por eles e apresentados à turma.

Comunicação: privilegiam-se momentos de comunicação e divulgação de trabalhos de projeto, apresentação de produções, partilha de textos, troca de correspondência, entre outros. Estas interações ocorrem intra e inter turmas, bem como com os pais e a comunidade educativa. 

Trabalho autónomo e acompanhamento individual: estudo e aprofundamento dos conteúdos das disciplinas, treino e produção intelectual por parte dos alunos, tendo como guia um plano de trabalho periódico. Trabalho do professor com os alunos que precisam de acompanhamento individualizado.

Organização e gestão cooperada da vida da turma: Tutor Time e Competências Sociais – momentos em que se debatem assuntos relacionados com a vida da turma, se faz o planeamento de atividades semanais, é feita a distribuição de tarefas e responsabilidades da vida coletiva em turma/escola e se procede à auto e heteroavaliação de todo o envolvimento na vida escolar.

A nossa estrutura académica complementa-se com atividades em duas áreas consideradas fundamentais para ser um bom cidadão – Global Perspectives e My Time – incluídas no horário letivo:

     – Global Perspectives

Os alunos dos Grades 5 ao 8 têm um tempo semanal dedicado a atividade Global Perspectives. Este é um programa exclusivo, transformacional que ajuda os alunos a desenvolverem importantes competências, incluindo pensamento crítico, capacidade de investigação e a colaboração. Este inovador e motivante programa baseado em competências coloca o estudo académico num contexto prático e real, explorando a forma como os alunos de hoje desfrutam de aprendizagem, incluindo trabalhos de grupo, seminários, projetos e, ainda, trabalhar com alunos de todo o mundo. O ênfase está no desenvolvimento das capacidades de pensar criticamente sobre uma variedade de questões gerais, para as quais há sempre mais do que um ponto de vista.

É uma atividade colaborativa onde o foco está mais no processo do que no produto final. Um dos principais objetivos é desenvolver uma compreensão da relação entre as disciplinas curriculares e a sua influência nas diversas áreas do conhecimento. Os alunos têm a oportunidade de colaborar com as outras turmas, partilhar as suas ideias e receber os seus comentários. Em particular, estimula em cada um a capacidade de avaliar alternativas e de calcular os riscos e, principalmente, faz com que não tenham medo de falhar.

Os projetos irão variar ao longo do ano letivo para incluir o desenvolvimento de ações que influenciem a comunidade e o mundo, onde o aluno desempenha um papel de protagonista e não mero ouvinte. No nosso programa curricular consideramos o serviço como um compromisso recíproco e colaborativo com a comunidade em resposta a uma necessidade autêntica. Através deste, os alunos desenvolvem e aplicam competências pessoais e sociais em situações da vida real envolvendo a tomada de decisões, resolução de problemas, iniciativa e responsabilidade pelas suas ações. Os alunos são envolvidos na decisão do que fazer, como fazer e testemunham as consequências das suas ações. Esta aprendizagem ocorre naturalmente e os alunos respondem a necessidades específicas identificadas na comunidade.

     – My Time

Uma vez por semana, os alunos dos Grades 5 e 6 terão a possibilidade de trabalhar nas áreas que mais gostam. O colégio oferece uma vasta gama de atividades – desporto, arte, música, robótica, programação, laboratório, matemática, discurso e jornal escolar – e cada aluno opta pela atividade que for ao encontro dos seus interesses. O myTime tem caráter facultativo.

Imagem
Imagem
Imagem